MC Lan se apresenta à polícia após acusação de estupro

MC Lan se apresenta à polícia após acusação de estupro

Neste domingo MC Lan se tornou o assunto mais comentado da internet após ser acusado pelo crime de estupro contra uma modelo conhecida no mundo do funk, essa informação foi declarada pelo apresentador do Cidade Alerta, Luiz Bacci. O artista compareceu ao 49° DP de São Paulo, no bairro de São Matheus para prestar depoimento às autoridades.

A jovem teria sido atraída para a casa do músico, dopada e violentada sexualmente. Ao se dar conta do que teria acontecido, ela teria procurado imediatamente uma unidade de pronto atendimento da prefeitura, onde recebeu o protocolo de medicamentos para quem sofre abuso sexual e, por fim, acionou a polícia.

Por meio do seu advogado, MC Lan se pronunciou e negou ter cometido qualquer crime. O artista também se disse perplexo com as acusações e ainda ressaltou que compareceu à delegacia de maneira espontânea, além de afirmar que está à disposição das autoridades para esclarecer o caso.

Caio Alexandre da Cruz, o MC Lan, foi liberado após prestar depoimento. No início da tarde, ele publicou um Storie para tranquilizar os fãs e negar o crime. “Em casa. Deus é justo o tempo todo”, escreveu na legenda do primeiro post. Em seguida o artista postou outro em que disse que em breve se pronunciará sobre o assunto e escreveu: “Não existem duas verdades, a verdade é uma só! Quem não deve não teme, então aguardem que a história real aparecerá”. E completou: “Consciência tranquila, caráter e fé em Deus contra todo invejoso que quer subir fazendo os outros de escada”.

Confira a nota na íntegra:

“Caio Alexandre Cruz, conhecido artisticamente como MC Lan, através do seu advogado Dr. José Estevam Lima, vem a público informar que o artista compareceu espontaneamente na 49ª Delegacia do bairro de São Mateus em São Paulo, na manhã deste domingo (7/3), e está à disposição das autoridades para esclarecer os fatos como realmente aconteceram e que está perplexo com as acusações. Afirma ainda que não cometeu qualquer crime, seja ele de qualquer natureza e que sempre estará à disposição das autoridades para esclarecer a verdade”

>>> Curta o PFBR no Facebook

Siga o PFBR no Twitter <<<