OFICIALMENTE NO VALE: “Robin” assume bissexualidade em nova HQ do Batman

OFICIALMENTE NO VALE: “Robin” assume bissexualidade em nova HQ do Batman

A comunidade LGBTQI+ ganhou nesta terça-feira (10) mais um importante representante, dessa vez o ajudante do Batman, o Robin, assumiu ser bissexual na nova edição da HQ Batman: Urban Legends #6.

Tim Drake (Robin) e Bernard Dowd, amigo de Tim estão em uma luta contra os monstros do caos, em meio à luta, Robin percebe uma preocupação em proteger Bernard e reflete:

“As pessoas ficam me perguntando o que eu quero. Mas eu não conseguia entender. O que quer que fosse sempre parecia fora de alcance. Até agora.”.

Após o diálogo Robin vai para o apartamento de Bernard e confirma estar interessado em saber sobre o significado daquela preocupação, porém não esperava a reação de seu amigo:

“Tim, você quer sair comigo?”, pergunta Dowd e Robin aceita.

Mas a continuação desse início de romance será revelada na próxima edição da HQ que será lançada em dezembro deste ano.

>>> ROTTEN TOMATOES: Confira a nota e as primeiras críticas de “O Esquadrão Suicida”

OFICIALMENTE NO VALE: “Robin” assume bissexualidade em nova HQ do Batman
Tim Drake (Robin) e Bernard Dowd na HQ Batman: Urban Legends #6

SEMPRE SOUBEMOS?

Desde a criação do personagem Robin nos anos 40, o público sempre fez piadas a respeito da sexualidade, porque ele é o ajudante do Batman. Com a confirmação de sua orientação, os fãs reagiram positivamente.

Meghan Fitzman, escritora desta edição do quadrinho, comentou:

Prestar uma homenagem ao fato de que a sexualidade é uma jornada. Para deixar, claro seus sentimentos por Stephanie [personagem que Robin namorou], foram e são 100% reais, assim como seus sentimentos por Bernard. No entanto, Tim ainda está se descobrindo. Não acho que ele ainda tenha uma linguagem para tudo ainda”, completou Meghan ao portal especializado Polygon.

A representatividade aumenta no mundo dos HQs da DC Comics, além de Robin, o Lanterna Verde Alan Scott, a Batwoman Kate Kane e Estrela Polar que foi o primeiro herói gay assumido nos quadrinhos. Estamos bem representados? Comenta aí.

>>> Curta o PFBR no Facebook

Siga o PFBR no Twitter <<<