Bixarte lança single e clipe “Oxum”

Bixarte lança single e clipe “Oxum”

A cantora Bixarte lançou esta semana o primeiro clipe do Projeto “A Nova Era” – OXUM. A iniciativa financiada pela Lei Aldir Blanc prevê o lançamento de quatro singles e quatro clipes ainda este ano. Além disso, o projeto priorizou a contratação de pessoas pretas e lgbt+.“Assim que o projeto foi aprovado eu vi uma oportunidade de mais uma vez produzir ao lado da minha gang de black, sapata, travesti e viado. Poder viabilizar o que tanto pauto como artista é reforçar a crença na potência de pessoas lgbt+ e pretas e criar novos nomes de produção dentro do nosso estado.”, fala a cantora.

Bixarte lança single e clipe “Oxum”

A Nova Era tem como proposta um processo de base para alcançar uma evolução artística ainda maior, e por isso, traz um momento de reflexão, auto encontro e redescobrimento da Bixarte. “O projeto que começa com o clipe e música Oxum vem trazendo algumas das minhas particularidades, crenças, desejos, vontades e respostas para todas as perguntas que o mundo me faz”, explica.

O lançamento é feito como uma súplica para recarregar as forças em meio a crise e dor pandêmica que o Brasil está vivenciando. Dessa forma, a Bixarte tenta resgatar a conexão com o divino através de Oxum. “A música vai ser lançada num momento de muita dor e perda para milhares de famílias, o single é calmo, transmite paz, acolhimento, força e esperança, assim como a mãe das águas calmas.”

Para alcançar o resultado de imersão no “eu” de cada pessoa, a cantora contou com o DJ Furmiga Dub, que conseguiu captar perfeitamente o balanço das correntezas das águas que Oxum domina e transformar em beat, no estilo grave brasileiro, com a exaltação de cordas de violão para transmitir um movimento envolvente.

Oxum – Bixarte 

As neta das bruxas são preta

As netas das bruxas são trava 

As neta das bruxas são preta

As netas das bruxas são trava 

Ela que manda  o sinal

Ela que estende a mão

Ela é incondicional 

Ela é restauração 

No barulho do rio eu escuto oxum 

Sei que sem sua benção vou pra lugar nenhum

Vou pra lugar nenhum

Pisando descalço pra sentir o chão

Criando compasso inventando canção

Ocupando meu tempo de lápis na mão

Descanso o ori canto essa oração

canto essa oração

Minha mãe que as águas não me cubram mais não me falte na hora de beber 

Que as energias negativas caiam por terás ora yeye 

Seja grande o que me espera 

E o que passou que se enterre Oxum

Que tua correnteza traga vida pra todas as travestis do Brasil e do mundo

As travestis sertanejas recebam através do teu rio

Força & proteção que só a senhora sabe dar

E que nenhum macho consiga nos derrubar

Pisando descalço pra sentir o chão

Criando compasso inventando canção

Ocupando meu tempo de lápis na mão

Descanso o ori canto essa oração

canto essa oração

>>> Curta o PFBR no Facebook

Siga o PFBR no Twitter <<<