Nike processa empresa responsável pela criação do “Satan Shoes” de Lil Nas X

Nike processa empresa responsável pela criação do “Satan Shoes” de Lil Nas X

Mais um dia, mais polêmicas envolvendo Lil Nas X e tudo isso tem como centro o seu mais recente lançamento, “MONTERO: Call Me By Your Name”.

Com uma tematica completamente diferente de seus últimos videoclipes, Lil Nas X decidiu inovar em sua nova produção e escolheu recriar desde o jardim do Éden até os confins do inferno, chegando até mesmo a dançar no colo do Diabo. Para endossar a estreia, a MSCHF, empresa responsável pela customização de tênis, decidiu lançar uma edição exclusiva em parceria com Lil Nas, intitulada “Satan Shoes”, inspirada na edição de 97 do tênis Air Mix, lançado pela Nike. Rapidamente o anunciou gerou uma ENORME polêmica repercussão.

>>> Igreja de Satan parabeniza Lil Nas X em tênis inspirado em arte satânica: “abraça a essência do satanismo”

Com uma tiragem limitada de 666 pares que contém símbolos satânicos e sangue humano em sua sola, rapidamente os fãs procuraram saber mais sobre o modelo, até que a Nike ficou sabendo da criação e decidiu processar a empresa pelo uso não autorizado da marca.

De acordo com um processo aberto na segunda-feira (março) 29) em tribunal federal de Nova York a Nike solicitou imediatamente a retirada de todo e qualquer propaganda sobre o “tênis de Satanás”. Vale lembrar que em 2019, a mesma empresa lançou uma edição chamada “Jesus Shoes”, onde o solado do tênis era composto por tinta azul e agua benta. Já os cadarços onde a versão satânica trás um pentagrama, a versão cristã trás um crucifixo. Veja a foto:

>>> Com apenas 666 pares, Lil Nas X anuncia “Air Max Satan Shoes” em parceria com a MSCHF

Nike processa empresa responsável pela criação do “Satan Shoes” de Lil Nas X

“A Nike diz que o MSCHF Product Studio, a empresa com a qual o rapper fez parceria para lançar 666 pares do tênis, alterou materialmente seu produto de marca registrada sem permissão e não se sentem bem em saber que as pessoas pensem que a empresa endossa o satanismo.

Segundo o documento, a Nike diz:

“As alterações materiais incluem, pelo menos, referir-se ao tênis como “Tênis de Satanás”, adicionar tinta vermelha e sangue humano à sola intermediária, adicionar detalhes com tema satânico bordado em vermelho, adicionar um pentagrama de bronze aos cadarços e adicionar um novo forro de meia, que alteram completamente o sentido do Nike Air Max 97. Já há evidências de confusão e diluição significativas ocorrendo no mercado, incluindo ações para boicotar a Nike, em resposta ao lançamento dos “Satan Shoes” da MSCHF, com base na crença equivocada de que a Nike autorizou ou aprovou este produto.”

A MSCHF não se pronunciou sobre sobre o ocorrido e não se sabe se os tênis vão realmente entrar em venda, mas Lil Nas X já deixou que vai dar alguns pares de presente para seus seguidores. Cada par de tênis custa em média 1,018 dólares, cerca de R$ 5,500,00.

>>> Curta o PFBR no Facebook

Siga o PFBR no Twitter <<<