Em entrevista, Iggy Azalea fala sobre apropriação cultural e ser uma rapper branca

Iggy Azalea é a capa da próxima edição da revista Cosmopolitan. Numa entrevista recheada de revelações, a rapper fala sobre diversos assuntos, inclusive polêmicas de seu passado.

http://5jc.0a9.myftpupload.com/iggy-azalea-esta-deslumbrante-na-capa-e-recheio-da-revista-cosmopolitan-veja-o-ensaio/

Um dos tópicos abordados foi as acusações contantes de que Iggy estava fazendo apropriação cultural, ao ser uma mulher branca lucrando com a cultura negra. A cantora do megahit “Fancy” falou que isso é subjetivo:

“Você pode perguntar para uma pessoa da mesma raça, ‘Isso te afeta?’ e eles vão dizer que sim, mas outra pessoa vai dizer que não. Eles poderiam ser do mesmo lugar, tudo igual, mas tem perspectivas diferentes sobre o assunto”.

Questionada se ela se desculparia quanto a isso, ela afirmou:
“Eu ainda vou fazer o mesmo tipo de música e ser ridiculamente exagerada. Então eu não posso me desculpar quanto a isso”.
Iggy revelou que costumava ficar na defensiva quanto a esse assunto:
“Quando alguém me questionava, eu replicava o questionamento ‘E quanto a isto que eu estou passando?’, porque eu queria muito falar sobre minhas experiências e coisas que eu não tinha, eu acredito que eu não estava reconhecendo que há privilégio branco e racismo institucionalizado. Muitas pessoas como eu estava vivendo numa bolha de desconhecimento de todas essas coisas que outras pessoas enfrentam”.
http://5jc.0a9.myftpupload.com/confira-os-detalhes-do-show-de-iggy-azalea-no-brasil-ingressos-ja-estao-a-venda/

>>> Curta o PFBR no Facebook

Siga o PFBR no Twitter <<<