Marina Sena canta o amor próprio em “Voltei pra mim”

Marina Sena canta o amor próprio em “Voltei pra mim”

Romance, sensualidade e acima de tudo, autocuidado dão o tom de “Voltei pra mim”, novo single e clipe de Marina Sena. Produzida por Iuri Rio Branco, a faixa é um pop dançante com elementos genuinamente brasileiros. Tudo narrado de forma leve e envolvente, bem ao jeito desta cantora e compositora do Norte de Minas, que já é um dos principais expoentes da cena contemporânea. A faixa chega nos aplicativos de música com filme dirigido por Vito Soares. O lançamento é uma realização dos selos Alá e A Quadrilha com distribuição da Altafonte. 

Marina Sena canta o amor próprio em “Voltei pra mim”

“Tem momentos que a gente se encontra numa relação e percebe que quem somos ali dentro não é mais o que queremos ser e o que podemos ser. E aí é hora de ir, de se colocar pra jogo em outras paisagens. Se enxergar a partir de novas óticas, sem o filtro das relações viciadas que nos rodeiam”, defende a cantora. 

O single antecede o aguardado álbum de estreia de Marina, intulado “De primeira”. “Tem vários significados. Primeiro é que vai ser um disco ‘de primeira’ , ou seja, da melhor qualidade. Segundo que vai bombar ‘de primeira’ , ou seja, vai ser instantâneo. Terceiro porque é o princípio de uma jornada e minha avó Estelina falava que ‘de primeira, as coisas eram diferentes’, que significa que no princípio as coisas eram de outro jeito. Faz tempo que tenho isso fixado na mente”, explica. 

“Me toca”,  música que anunciou a carreira solo de Marina, ficou por dois meses na lista das 50 mais viralizadas do Spotify. Inclusive, a cantora foi escolhida como Artista Radar do mês de maio pela plataforma. Agora, depois de encantar como vocalista da Rosa Neon e da Outra Banda da Lua, Marina lança “Voltei pra mim”. Cheia de atitude e pronta pra ter seu vasto talento e carisma reconhecidos pelo grande público. 

>>> Curta o PFBR no Facebook

Siga o PFBR no Twitter <<<