Justin Bieber compartilha notícia falsa sobre caso de Taylor Swift e revolta seguidores

Como recentemente veiculado pelo nosso portal, Taylor Swift está em guerra com a Big Machine Records, sua antiga gravadora, na disputa pelos direitos de suas músicas antigas. A norte-americana publicou ontem (14/11) uma carta aberta do caos que está vivendo, pois foi impedida de performar no American Music Awards, onde é a grande homenageada da noite.

Imagem

Justin Bieber, na tarde de hoje (15/11), compartilhou em seu stories do Instagram uma nota divulgada pelo TMZ, onde afirmava que a Big Machine Records jamais proibiu Taylor Swift de cantar suas próprias músicas.

Acontece que a nota é falsa: de acordo com renomados sites como o The Guardian e The New York Times a matéria não procede, uma vez que ambas as redações têm provas concretas que a gravadora realmente tentou impedir a intérprete de performar suas próprias canções no American Music Awards e bloqueou o documentário da Netflix, que contaria a vida da artista.

A reprodução do conteúdo por parte de Justin Bieber revoltou seguidores. O norte-americano é administrado pelo principal arquiteto da confusão, Scooter Braun.