Por conta do avanço da COVID-19, Rock In Rio Brasil é oficialmente adiado

Por conta do avanço da COVID-19, Rock In Rio Brasil é oficialmente adiado

Como já era de se esperar, a edição brasileira do Rock In Rio, que deveria acontecer entre setembro e outubro de 2021, foi adiada para o segundo semestre do próximo ano. O motivo não é novidade para ninguém, já que a COVID-19 segue avançando por todo o Brasil e os números de mortes não param de aumentar.

A nona edição do festival está marcada para os dias 2, 3, 4, 8, 9, 10 e 11 de setembro de 2022, na Cidade do Rock, Zona Oeste do Rio de Janeiro.

Roberto Medina, presidente e criador do Rock In Rio, confirmou que as negociações com os artistas seguem a todo vapor, podendo rolar confirmações ainda no primeiro semestre desse ano. Outro anuncia feito por Medina, que acontecerá ainda esse ano, é a venda do Rock In Rio Card, mas a data ainda não foi revelada.

As mudanças foram baseadas nas indefinições do cenário mundial da pandemia de Covid-19 e no fato de que a esta altura do ano, a organização do evento já estaria entrando tanto no Parque Olímpico, no Rio de Janeiro, quanto no Parque Bela Vista, em Lisboa, para dar início às montagens do evento.” – afirma Roberta Medina em comunicado à imprensa.

A edição de Lisboa, que também aconteceria esse ano, foi adiada para 2022, pelos mesmo motivos citados acima.

>>> Curta o PFBR no Facebook

Siga o PFBR no Twitter <<<