#PFBRchoice: Por quê você deve largar tudo que está vendo e assistir "Shameless" agora mesmo

Em pouco menos de uma semana, no dia 10 desse mês, estreia nos Estados Unidos a sexta temporada da versão americana de Shameless, remake da bem-sucedida série britânica de mesmo nome. Se você não conhece a série vale a pena dar uma chance para Frank Gallagher e sua família, em uma história de comédia e drama que se passa no subúrbio de Chicago, com todos os ingredientes de uma família nada convencional: pais drogados, ele alcoólatra e ela bipolar que abandonou os filhos para fugir com a namorada, e seis filhos tentando superar as dificuldades.

A vizinhança também é fator importante para a sequência da história.

Além de drama e comédia, a série também leva em seu enredo um apelo sexual aguçado para a maioria dos personagens, resultando em cenas de sexo em praticamente todo o episódio, tanto heterossexual quanto gay. Também é frequente o consumo de bebidas e drogas, além dos palavrões ditos pelos personagens, o que torna a série altamente indicável apenas para pessoas maiores de idade.

O elenco é outro ponto forte da série, com o ganhador de um Emmy e indicado ao Oscar William H. Macy no papel do patriarca Frank, Emmy Rossum sendo a irmã mais velha Fiona, o coringa de Gotham, Cameron Monaghan como Ian, além de Justin Chatwin, e da também vencedora do Emmy, a atriz Joan Cusack. A série é produzida pela Showtime, da Warner, e infelizmente não está disponível na Netflix brasileira, somente na americana e canadense.

tumblr_njzsxszA461ruy5hyo1_500

A Showtime já disponibilizou o primeiro episodio da sexta temporada de forma gratuita e na integra na web, confira aqui.

>>> Curta o PFBR no Facebook

>>> Agora no @oficialpfbr

Carregar mais tweets