Há 7 anos, Taylor Swift chegava ao topo da Billboard 200 com o aclamado álbum "Red"

O quarto álbum de Taylor Swift em estúdio, intitulado “Red”, é a superprodução que marca sua transição para o mundo pop. Com dezesseis faixas, é um dos trabalhos mais trabalhados na questão de singles, entre eles, “Red”, “I Knew You Were Trouble”, “We Are Never Ever Getting Back Together” e a divertida “22”.

A norte-americana conta que o título do álbum representa o amor: vermelho, a cor que tumultua e conta as histórias mais apaixonantes que um sentimento traz. É neste disco que a parceria com os renomados Max Martin e Shellback começa.

“Eu escolhi o nome ‘Red’ (vermelho em inglês) pois essa cor simboliza as tumultuosas e loucas aventuras e perdas que o amor traz consigo. Eu penso que quando você se apaixona, tudo passa tão rápido e fica tão fora de controle que acaba misturando paixão, ciúme, frustração, falta de comunicação e vários outros sentimentos… em análise, todos eles me parecem vermelhos.”, contou.

Não é novidade que Taylor Swift é um monstro em vendas e, por sua vez, com o “Red” não poderia ser diferente. Debutando em #1 na Billboard 200, parada mais importante de música nos Estados Unidos, a superprodução da musa vendeu cerca de 1.21 milhões de unidades de vendas somente em seu país de origem.

Explicando melhor sobre a aclamação do álbum, foi o trabalho mais rápido de um artista a conquistar 1 milhão de vendas, dando também o título de primeira artista na história a ter 2 álbuns com tamanha venda em sua primeira semana no mercado.

Com apenas 4 indicações ao Grammy, o “Red” não recebeu nenhuma estatueta no ano participante da premiação. Esteve em categorias importantes, até mesmo na mais prestigiada da noite, “Álbum do Ano”.

A turnê que compõe o fechamento de divulgação do disco é histórica e recebeu cerca de 1.2 milhões de fãs em seus estádios.

E aí, qual sua faixa favorita do “Red”? Continue a conversa direto das redes sociais do Portal Famosos. Esperamos por você!