Wagner Moura está sendo sondado para viver Aécio Neves em seriado do Netflix sobre a Operação Lava Jato

A Operação Lava Jato – que investiga um esquema bilionário de desvio e lavagem de dinheiro envolvendo a empresa Petrobrás – está prestes a ganhar uma adaptação para o Netflix.

A investigação irá virar uma série e alguns dos grandes atores do cenário brasileiro já estão sendo sondados para interpretar os principais personagens envolvidos na operação. Segundo a Folha de São Paulo, Wagner Moura estaria sendo sondado para fazer o papel de Aécio Neves, atual senador, ex-governador de Minas Gerais e candidato à Presidência da República em 2014 pelo PSDB.

Segundo o jornal, Milhem Cortaz e Maria Ribeiro também estão sendo cotados para interpretações na história, que contará com 13 episódios. A direção ficará por conta de José Padilha, conhecido por trabalhos como “Tropa de Elite” e “Narcos”. A última, inclusive, foi interpretada pelo próprio Wagner, que viveu Pablo Escobar, um conhecido traficante colombiano. O roteiro será criado por Elena Soares. Ela trabalhou em “Filhos do Carnaval”, para a HBO.

Dilma Rousseff e o japonês da Federal – famoso por aparecer na mídia durante as prisões de políticos envolvidos no escândalo – preocupam os produtores em relação aos atores que poderão interpretá-los.

>>> Curta o PFBR no Facebook

>>> Agora no @oficialpfbr

Carregar mais tweets