Trinity The Tuck defende "RuPaul's Drag Race: All Stars" de acusações de racismo; confira!

Ontem (18), uma das vencedoras da ultima edição de “RuPaul’s Drag Race: All Stars”, concedeu uma entrevista ao site “Entertainment Weekly”. Durante a entrevista, a Drag Queen aproveitou para falar do programa e para divulgar seu novo single recém lançado.

https://www.portalfamosos.com.br/manila-luzon-e-trinity-the-tuck-lancam-novos-clipes-as-vesperas-da-final-de-rupauls-drag-race-all-star-assista/

O destaque da entrevista, ficou por conta das declarações de Trinity sobre uma das maiores polêmicas envolvendo o programa, as acusações de racismo, isso devido a fama de sempre coroar queens brancas. Segundo a drag, a questão das últimas 5 vencedoras terem sido brancas não quer dizer que o programa seja racistas, e sim que as concorrentes brancas conseguiram se destacar melhor na competição.

“Olhe para o show, mesmo que eu ache que Shangela deveria ter sido a ganhadora do All-Stars 3, ela não fez parte do Top 2. Trixie teve o melhor histórico, ela mereceu vencer, no All-Stars 2, a Alaska merecia vencer, e no All-Stars 1, a Chad merecia vencer. Com o meu histórico, eu mereci vencer. As vitórias não deveria ser sobre raça, deveria ser sobre cada talento individual.” 

The Tuck sofreu muitos ataques na internet por ter vencido a temporada ao lado de Monet X-Change. E sim, ela ficou chocada com o resultado. Sobre o recente acontecimento, ela não pode deixar de falar sobre a polêmica.

“Ninguém pode dizer que a formulação é branca, magra e loira. Isso não é verdade. Acontece que os artistas que chegaram mais longe nas últimas temporadas eram isso (brancas e loiras). Isso não significa que a culpa está no programa.”

FADA! Kacey Musgraves leva Trinity The Tuck e Monét X Change, vencedoras do "All Stars 4", para palco de seu show em Los Angeles

A drag aproveitou o momento para encher o programa de elogios, segundo ela, RuPaul criou um dos programas mais inclusivos da TV, pois não deixa de incluir pessoas de todas as raças e gêneros.

“Isso deve ser um tópico de conversa, porque é importante que tenhamos mais pessoas de cor sendo representadas. É importante que tenhamos representação trans. Precisamos ser uma comunidade muito diversificada e inclusiva […] “RuPaul’s Drag Race” também é um dos shows mais inclusivos para pessoas de cor e genêro, olhe para o elenco nesta temporada, apenas duas três  garotas eram brancas; o resto eram pessoas de cor, isso é incrível, precisamos de mais disso. Olhe para o elenco da temporada 11, também é assim. Finalizou a drag.

Além de falar do programa, Trinity aproveitou para divulgar o seu mais recente single “I Call Shade” e para confirmar que “Plastic”, seu novo álbum sai em breve.