(Track by Track) Kelly Clarkson – Hearbeat Song

Quando se trata de primeiros singles a coisa sempre é bastante complicada para a maior parte dos artistas. A não ser que você seja um dos queridinhos das rádios e tenha uma base de fãs gigante que por si só o garanta, a preocupação com os retornos aos holofotes nunca deixará de existir.

Mas Kelly Clarkson, a primeira ganhadora do reality show American Idol e consequentemente a mais bem-sucedida cantora saída do mesmo, pareceu nunca ligar para números, e sim para as músicas, que refletem seu estado de espírito no momento em que seus álbuns são lançados. Do R&B de Thankful, seu primeiro disco, passando pela atitude pop-rock de Breakaway, o country-pop incompreendido de My December, as músicas chicletes de All I Ever Wanted e Stronger, até chegar ao clima natalino do festivo Wrapped in Red, apesar de muito subestimada por todos do ramo, a moça sempre passou por cima do ataque de críticas e garantiu hits sólidos para o currículo.

Como sua outra colega do American Idol, Carrie Underwood, ela soube utilizar toda a atenção recebida no início da carreira a seu favor, e vez ou outra solta maravilhas como Since U Been Gone, Because of You e Mr. Know It All. Falando como alguém que conhece a fundo toda a discografia da cantora, Kelly nunca foi muito de se reinventar sonoramente, exceto talvez pelas transições ThankfulBreakaway e BreakawayMy December, mas sempre apresentou discos de qualidade impressionante. Apesar de só ter aprendido a lidar com suas emoções conflituosas após alguns escorregões, como é de praxe de qualquer novato, ela nunca hesitou em usar seu soprano como sua maior arma.

Heartbeat Song é a sexta vez (sétima, se contarmos o natalino Wrapped in Red) em que Kelly retorna do anonimato sem fazer grandes estardalhaços. Pelo menos inicialmente. E tudo depois de um casamento, um single country comemorando este mesmo acontecimento, o lançamento de um álbum de hits celebrando dez anos de carreira, o de outro natalino, e por fim uma gravidez. E, novamente, não há nada novo, apenas a cantora que já conhecemos e amamos. E está errado quem pensa que ela deveria mudar. Sua grande voz casa-se perfeitamente com as batidas pegajosas do hit certeiro, escrito por nomes como Kara DioGuardi e Jason Evigan, de forma que ela nem mesmo precisará coagir locutores de rádio a tocarem a canção.

“Until tonight I only dreamed about you, I can’t believe I ever breathed without you.”

Sendo mais específico, eu até poderia comparar, apenas por suas características como músicas chiclete, Heartbeat Song a Shake It Off, da nova princesinha do pop Taylor Swift. Novamente, apenas como músicas chiclete, já que a ex-Idol não se rendeu aos trompetes, e muito pelo contrário: continuou fiel a suas guitarras e percussões marcantes. Porém, curiosamente, o smash hit de Swift tem sido uma das músicas favoritas da Kelly ultimamente. Olhem só o vídeo dela cantando uma versão gospel de Shake It off com os vocais powerhouse que a antiga queridinha de Nashville jamais poderia produzir:

Fofa demais, né gente?

E o que dizer do videoclipe do single, que apesar da falta absurda de originalidade se comparado a outros da cantora, se espelha totalmente na mensagem da canção? Ela realmente esqueceu as dores do passado, se deixou ser guiada pelo coração e aprendeu a confiar em outra pessoa novamente. Sem, claro, arriscar mudar a fórmula que tanto lhe cai bem.

Kelly está apenas buscando provar-se outra vez como alguém relevante da indústria, como faz a cada novo trabalho. Seu nome pode nunca estar em publicações de fofoca (a não ser quando estourou aquele infame rumor sobre a traição de seu marido, o que, creio eu, era só um rumor mesmo) ou nas capas das revistas (exceto talvez de maternidade), mas é inevitável que ela encontre seu nicho no topo uma vez ou outra. E se não depender da capa de gosto extremamente duvidoso do novo álbum, que é chamado Piece by Piece, e sim da contagiante Heartbeat, que outras artistas teen como Demi Lovato amariam ter em seus álbuns, ela conseguirá alcançar milhões de ouvidos (e corações) novamente.

>>> Já segue o PFBR no Facebook? Não? Tá perdendo varias novidades. Deixa seu like!

>>> Sabia que a gente tá comentando tudo sobre BBB no Twitter? Vem!