Sensato! Daniel Radcliffe rebate comentários transfobicos de J. K. Rowling

O ator Daniel Radcliffe, famoso por interpretar Harry Potter, publicou um texto nesta segunda-feira (8), rebatendo os comentários ofensivos feitos pela escritora, J. K. Rowling, autora da saga em que ficou conhecido. Nas postagens de Rowling, ela se posicionou erradamente em relação a mulheres transgênero.

“Mulheres trans são mulheres”, escreveu Daniel. “Qualquer declaração ao contrário apaga a identidade e a dignidade de pessoas transgênero e vai contra todos os conselhos dados por associações profissionais de saúde que têm muito mais experiência no assunto que Jo ou eu.”

O texto foi publicado no site Trevor Project, uma organização sem fins lucrativos que trabalha na intervenção e prevenção de suicídios para pessoas da comunidade LGBTQ+.

Recapitulando, no domingo (7), a autora duramente criticada após uma série de tuítes que a acusava de transfóbica. “Enquanto Jo é inquestionavelmente responsável pelo curso que minha vida tomou, como alguém que foi honrado em trabalhar com e continua a contribuir com o Trevor Project pela última década, e até como ser humano, me sinto compelido a dizer algo agora.” – disse Radclife.

Daniel aproveitou para pedir desculpas aos fãs dos livros: “A todos aqueles que agora sentem que sua experiência com os livros foram manchada ou diminuída, sinto profundamente pela dor que esses comentários causaram”.

“Espero de verdade que vocês não percam totalmente o que foi valioso nessas histórias para vocês. Se esses livros ensinaram que amor é a maior força do universo, capaz de superar qualquer coisa; se eles ensinaram que a força é encontrada na diversidade, e que ideias dogmáticas de pureza levam a opressão de grupos vulneráveis; se vocês acreditam que um personagem em particular é trans, não-binário, ou tem gênero fluido, ou é gay, ou bissexual; se você encontrou qualquer coisa nessas histórias que ressoou em você e ajudou em qualquer momento de sua vida, então isso é entre você e o livro que você leu, e isso é sagrado.” – finalizou o ator.