“Se houve uma época em que precisávamos de música de protesto, é agora”, diz Lana Del Rey

O cenário político atual foi um dos assuntos abordados por Lana Del Rey em entrevista ao jornal The New York Times. A cantora falou com saudades do período da gestão Obama e defendeu que a época atual necessita de músicas de protesto.

http://5jc.0a9.myftpupload.com/em-entrevista-lana-del-rey-comenta-novo-album-grammy-taylor-swift-ariana-grande-e-billie-eilish/

“Acho que houve um período sobre não ter certeza sobre o que estava acontecendo. Eu estava lá quando Obama foi eleito. Durante a gestão dele, parecia que um sonho havia se realizado e nós poderíamos dar atenção para as artes e havia certas coisas sobre as quais não precisávamos falar. Mas claro, muita coisa estava acontecendo. Uma porção do que as pessoas estão pensando é: ‘É possível que a atual presidência esteja incentivando essa ideia de que é normal ser mais violento?’ E muitas pessoas estão dizendo que sim. Se alguém diz ‘agarre-as pela b****a’ [em referencia a Donald Trump], então isso faz com que outra pessoa se sinta no direito de levar rifle para escola. Se houve uma época em que precisávamos de música de protesto, é agora”.

Lana revelou como a violência recente com armas de fogo motivou o lançamento da canção “Looking for America”.

“Os tiroteios em massa com um intervalo de 24 horas [tornaram o assunto urgente]. Eu sempre fico mal quando ouço sobre algo remotamente violento. Mas eu estava extremamente mal. Eventualmente, surgem coisas como a Amazônia em chamas e as pessoas acordam e percebem que não é só uma fase. Há algo extremamente errado. Eu prefiro ficar na periferia, mas quando você tem tiroteios em massa… há um momento para se dizer algo a respeito? Certamente aquele era o momento para mim.”

O New York Times questionou Lana sobre a frase “Kanye West is blonde and gone” (“Kanye West está loiro e se foi”, trecho da canção “The Greatest” e perguntou se o rapper a respondeu por ter criticado o apoio dele a Trump no Twitter.

“Não. Felizmente, não. O negócio é o seguinte: eu não quero suscitar uma resposta. Você nunca se sente melhor por escrever algo assim. Mas Kanye significa muito para nós. E a propósito, eu me sinto grata por estar em um país onde todos podem ter suas próprias visões políticas. Eu não sou mais liberal do que republicada – estou no meio termo, Mas o que me moveu foi mais o clima em relação a isso. ‘Esse cara é o melhor!’ [citando o que Kanye disse a relação a Trump] Mesmo? O melhor? Isso me chateou. Eu precisava dizer algo? Não. Mas essa é uma frase que representa muitas coisas.”

http://5jc.0a9.myftpupload.com/lana-del-rey-lanca-o-aguardado-clipe-de-fk-it-i-love-you-e-the-greatest-assista/