Rihanna diz que Donald Trump é o "ser humano mais doente mental dos Estados Unidos"; confira

Continuando com a saga de entrevistas à Vogue Magazine, onde Rihanna estampará as capas na edição de novembro, dessa vez a diva falou a fundo sobre questões políticas. Apresentando um amadurecimento notório, a diva falou sua opinião acerca de Donald Trump, atual presidente dos Estados Unidos.

Rihanna confirma parceria com Lil Nas X e revela que está trabalhando em dois álbuns; confira

A entrevistadora trouxe, desta vez, uma postagem da cantora após os tiroteios de El Paso, no Texas. Na ocasião, Donald Trump teria descrito o ato como “um ato de covardia”, e que é resultado de “problemas de doença mental”. Na época, Rihanna chegou a twittar e rebater o presidente com a frase: “Hum… Donald, você escreveu o terrorismo errado!”. Então a entrevistadora pergunta a Rihanna como ela se sentiu no dia seguinte ao tiroteio:

“Foi devastador. As pessoas estão sendo assassinadas por armas de guerra que conseguem comprar legalmente. Isso simplesmente não é normal, e nunca deveria ser normal. E o fato de ser classificado como algo diferente por causa da cor de sua pele? É um tapa na cara. É completamente racista! Coloque um árabe com a mesma arma no mesmo Wallmart e Donald Trump não irá sentar lá e abordá-lo publicamente como um problema de saúde mental. O ser humano mais doente mental dos Estados unidos agora parece ser o presidente.”

ICÔNICA! Rihanna abre o jogo sobre o motivo de ter se recusado a participar do Super Bowl