Racismo e homofobia: ator da série "Empire" é espancado por apoiadores de Donald Trump

Na madrugada de terça-feira (29), o ator Jussie Smollett, conhecido por interpretar o personagem Jamal Lyon na série “Empire”, foi hospitalizado após sofrer agressão motivada por homofobia, em Chicago.

De acordo com o TMZ, ataque ocorreu às 2h da manhã (horário local), após o ator sair do hotel em que estava hospedado  para comprar um lanche. “Você que é o gay de Empire?”, questionavam dois homens ao abordarem Jussie usando máscaras de ski não serem identificados. Mesmo sem dar atenção aos agressores, o ator foi espancado e teve uma fratura na costela.

E não parou por aí: os agressores – ambos brancos e usando máscaras de ski –  tentaram enforcá-lo enquanto despejavam alvejante em cima dele e gritavam o slogan do presidente americano, Donald Trump: “Este é o país do Make America Great Again”.  Ao buscar ajuda policia, Jussie ainda tinha no pescoço a corda usada na tentativa de enforcamento. Ele foi hospitalizado, mas já foi liberado na manhã do mesmo dia.

Segundo o dite The Grape Juice, Jussie havia recebido cartas anônimas com ameaças que diziam: “Você vai morrer, negro viado”.

http://5jc.0a9.myftpupload.com/chrisbrown-estreia-clipe-protagonizado-por-serayah-estrela-da-serie-empire-assista-undecided/

Além de interpretar um personagem homossexual, que enfrenta o pai no drama musical, Jussie também é assumidamente gay.

Fontes ligadas ao TMZ afirmam que o elenco de “Empire” terá segurança armada e reforçada até o final das gravações da série em Chicago.

>>> Curta o PFBR no Facebook

Siga o PFBR no Twitter <<<