"Quem me introduziu ao feminismo foi Madonna" – Afirma Marina and The Diamonds

No último dia 10, Marina Diamandis, melhor conhecida como Marina and The Diamonds, fez uma visita à tradicional Universidade de Oxford, uma das mais respeitadas e tradicionais da Inglaterra, para um bate-papo cabeça com os estudantes.

mari

Marina fotografada de roupa social em Oxford (UK)

Durante a palestra, a cantora pop, que é famosa no país através de hits como Hollywood e Primadonna, tocou no assunto “feminismo“, o que gerou uma discussão saudável sobre como ele é aplicado na indústria da música e quem Marina definiria como sua maior influência.

Ela respondeu, naturalmente, Madonna:

“Você pode rastrear os últimos 30 anos de feminismo na música pop; quem me introduziu ao feminismo foi Madonna”, revelou a artista.

A Rainha do Pop ficou famosa nas décadas de 80 e 90 por seu jeito peculiar de levar a carreira, que desafiava homens, gravadoras, a própria indústria e até a Igreja Católica. Por outro lado, Marina demonstrou não ser grande fã do método de composições de Taylor Swift.

Quando questionada se escrevia músicas sobre seus relacionamentos como ela, Marina riu:

Marina ainda aproveitou para responder questões a respeito de sua própria carreira, como o que a levou a compor a canção How to Be a Heartbreaker e os fatores cruciais que influenciaram o resultado final de FROOT, seu último disco.

fas

Marina posando com fãs após o evento