Prefeito de São Paulo afirma que por hora não cancelará shows devido ao surto de Coronavírus

Os fãs de música estão desesperados para obter alguma notícia acerca do Lollapalooza 2020 em São Paulo, após diversos rumores de que o evento seria cancelado atravessarem a madrugada desta quinta-feira (12).

.O prefeito da cidade de São Paulo, João Dória, convocou um coletiva de imprensa para falar sobre o contágio do COVID-19, o novo Coronavírus e afirmou que até a presente data (12) não há necessidade para cancelamento de eventos esportivos, musicais ou que tenha grande aglomeração de público, incluindo o Lollapalooza 2020. A Organização Mundial da Saúde (OMS) emitiu um comunicado para todos os países para que todoss evitassem aglomerações em locais que tenham mais de 50 pessoas, além das tradicionais dicas para se proteger do contágio, como desinfetar as mãos com Álcool gel sempre que possível.

Até a última atualização, mais de 52 casos já haviam sido constatadas com a doença infecciosa, inclusive até mesmo presidente Jair Bolsonaro está em observação devido ao contato com pessoas que foram confirmadas serem portadores do COVID-19.

Vale lembrar que o Lollapalooza da Argentina e do Chile já foram adiados para o segundo semestre de 2020, entretanto, o adiamento se tornou mais difícil para o Brasil, já que o Autódromo de Interlagos deverá ser fechado nos meados de agosto para a organização do evento mundial de F1, que acontece em novembro.

Independente da posição do prefeito de São Paulo, é importante ressaltar que a decisão de cancelamento também pode partir por dos produtores e patrocinadores do evento.