Pitchfork afirma que Lady Gaga influenciou Katy Perry, Nicki Minaj e Kesha

Depois da Billboard dizer que Lady Gaga acabou influência artistas como Nicki Minaj, Beyoncé e Rihanna, chegou a vez da Pitchfork enaltecer Lady Gaga de uma forma não muito legal.

Durante a lista dos 200 melhores álbuns da década, segundo eles, Lady Gaga apareceu na posição 151 com o “The Fame Monster” – graças a uma exceção aberta, já que o álbum foi lançado ao final de 2009 – e enquanto seu trabalho era enaltecido, foi comentado que a cantora havia influenciado Katy Perry, Nicki Minaj e Kesha.

Há 4 anos, estreava American Horror Story: Hotel tendo Lady Gaga no elenco

Segundo a Pitchfork, assim que Gaga lançou “Bad Romance” e o “The Fame Monster“, “deu início a uma corrida armamentista do pop”.

“De repente, parecia que todos, de Katy Perry a Nicki Minaj e Ke$ha, estavam caindo em cima delas mesmas para se superarem nas estranhezas. Mas ninguém nunca teve uma bandeira ‘freak‘ que voou mais alto que a de Gaga.”

Além das comparações, Amy Phillips – quem escreveu a matéria – enalteceu muito o álbum de Lady Gaga, comentando que ninguém havia feito um som como aquele naquela época. As música “Bad Romance“, “Telephone” e “Speechless” foram as comentadas por Phillips, que rasgou elogios ao trabalho da cantora.

Após se tornar viral no TikTok, "Bloody Mary" de Lady Gaga teve aumento nas reproduções do Spotify