"O que aconteceu com "ME!" de Taylor Swift?" – Forbes faz análise das altas expectativas do single e seu desempenho abaixo do esperado

Se consagrando como uma das artistas mais relevantes do cenário musical atualmente, Taylor Swift é sinônimo de boas vendas e desempenhos impecáveis com seus singles.

Vendendo 10 milhões de cópias com o “1989” e pouco mais de 5 com o “reputation”, além de emplacar canções em #1 para os dois discos totalmente voltados para o pop, as expectativas foram altas para “ME!”, seu single de retorno em parceria com o Brandon Urie do Panic! At The Disco lançada no fim de abril.

Porém, apesar da faixa ter tido um grande buzz por se tratar de um retorno de Taylor, não correspondeu as altas expectativas da própria cantora e de sua gravadora, chegando ao #2 na parada mais importante dos EUA e depois esfriando de maneira rápida, mesmo após algumas grandes performances como no Billboard Music Awards e em programas televisivos na Europa.

Pois bem, a revista financeira Forbes resolveu publicar um artigo que propôs uma reflexão sobre como a música que poderia ser mais um super hit da cantora acabou sendo engolida por outros lançamentos recentes e virais como “Old Town Road” do Lil Nas.

“Quando ela lançou ME! parecia seguro vê-la no topo da Hot 100… mas isso não aconteceu”, retruca o jornalista. “Após quatro semanas de seu lançamento, caindo cada vez mais do primeiro lugar, é surpreendente não estar no topo e chocante não ter feito o barulho desejado.”

Para eles, a aposta é que Taylor lance imediatamente mais uma canção do novo disco para “estancar” esse déficit que não está acostumada a ter com um carro-chefe do seu trabalho.

Mesmo #2 sendo algo ótimo para artistas novatos e menos famosos, quanto maior e mais hits tiver, maior será a pressão para continuar lá a qualquer custo, não é mesmo?

“É algo estranho vê-la com resultados em streams abaixo do esperado. ME! não deveria estar onde está atualmente e os números simplesmente não batem com o seu tamanho”, continua.

“Embora ele certamente não possa ser considerado um ‘fracasso’ propriamente dito’, não correspondeu às altas expectativas para si mesmo graças aos seus singles anteriores”, finaliza.

O clipe de ME! atualmente se encontra com quase 200 milhões de visualizações, e de fato, pela sua qualidade visual, nota-se que houve um GRANDE investimento por parte da gravadora da cantora em transformar esta faixa em um grande hit. Mas, o que será que aconteceu que ela não decolou como desejado?

Em locais como Reino Unido e Estados Unidos, ME! está estável, e se encontra no Top 20 do Itunes desses países. No Spotify, Top 30/50 da maioria deles.

Ninguém sabe ao certo quando o novo álbum de Taylor Swift será lançado. A expectativa é que chegue às lojas no segundo semestre.

Repensando a estratégia e apostando em uma nova faixa com força total, é provável que ainda em junho teremos informações sobre que canção irá suceder “ME!” na promoção do trabalho sucessor do ácido “reputation” (2017).

>>> Curta o PFBR no Facebook

>>> Agora no @oficialpfbr

Carregar mais tweets