Mulher acusa Natalia Kills e seu marido por agressão verbal em padaria

O dia nem acabou e a dupla “What The Fuck” já teria aprontado novamente, essa é a realidade de Natalia Kills e seu esposo, o cantor Willy Moon. Foi divulgado hoje (15) mas cedo pela nossa equipe um dos momentos do X-Factor da Nova Zelandia, onde Kills e seu esposo desmoralizaram um participante por estar usando um estilo parecido com o de Moon, rapidamente a notícia se propagou e milhares de internautas começaram a atacar a artista em seu perfil do twitter.

Hoje durante a tarde a suposta nova vítima da ignorância da dupla teria sido uma senhora de 51 anos de idade que afirma ter sofrido agressões verbais por parte do marido de Natalia, a briga teria começado depois que a vovó estacionou em uma vaga que o rapaz pretendia estacionar.

Tracey Neal-Gailer.  Foto / Doug Sherring

Tracey Neal-Gailer acusa Willy Moon de agressão verbal

Em entrevista ao NZ Herald, Tracey disse:

Ele estava em um carro e tinha uma mulher dirigindo, ao estacionar em uma vaga que eu tinha visto primeiro ele soltou de dentro do veículo gritando “não ,não não” e em seguida começou a aumentar a voz comigo e isso foi completamente deselegante.

Eu entrei na padaria e ele veio atrás de mim me chamando de vaca umas duas ou três vezes na frente de dezenas de clientes.

A senhora de 51 anos enviou uma carta para Willy informando que levaria o caso a justiça, pois se sentiu ofendida e quer se certificar que isso não ocorrerá com mais ninguém.

>>> Curta o PFBR no Facebook

>>> Agora no @oficialpfbr

Carregar mais tweets