Miley Cyrus conta que deixou a igreja por causa de sua sexualidade; confira

Durante uma live compartilhada entre Miley Cyrus e Hailey Bieber, ontem (21), no Intagram, a eterna Hannah Montana entrou em um assunto polêmico: religião. A cantora afirmou que decidiu se afastar da igreja após encontrar sua identidade sexual.

“Eu também fui criada na igreja, no Tennessee (EUA), em uma época nos anos 90, por isso tudo era menos aceitável”, desabafou Cyrus. E continuou: “Eu tinha alguns amigos gays na escola. Essa é a razão pela qual deixei minha igreja, porque eles não estavam sendo aceitos. Eles estavam sendo enviados para terapias de conversão. Eu tive muita dificuldade com isso e comigo também, encontrando minha sexualidade”, revelou.

Bieber, então compartilhou seu ponto de vista: “eu acho que há uma diferença entre ser criado na igreja quando criança e ser adulto e ter seu próprio relacionamento com Deus”, explicou. “Sinto que encontrei meu pé com espiritualidade, fé e igreja. Eu encontrei uma comunidade da igreja que trabalha para mim, onde me sinto apoiada, amada e aceita”. – concluiu.

Cyrus explicou seu apontamento dizendo: “eu meio que saí desse caminho um pouco porque acho que tive dificuldade em encontrar um relacionamento com Deus que funcionasse para mim enquanto adulta. A lição que acabei de tirar de você é que posso decidir qual é o meu relacionamento com a espiritualidade quando adulta e ele não precisa estar alinhado ao quando fui criada”. – finalizou a cantora.

Confira a live completa:

View this post on Instagram

@bigandmilky

A post shared by Miley Cyrus (@mileycyrus) on

Sobre o autor: /

Mineiro, 23 anos, estudante de jornalismo e apaixonado por música pop, séries e artes visuais // @FellipeMedeiross