Médico que analisava caso judicial de Britney Spears com o pai, morre dias antes da audiência final

Na manhã de hoje (09), o site TMZ noticiou que o médico de Britney Spears, Dr. Timothy Benson, que estava fazendo todo o acompanhamento psiquiátrico da diva para decidir se ela está apta ou não para ter de volta a guarda de seus filhos e sair da tutela de seu pai (que tem ela legalmente a mais ou menos 11 anos), morreu.

De acordo com o site, Timothy faleceu no dia 24 de agosto, 16 dias atrás, aos 48 anos, por conta de uma morte súbita, que, até o momento, acredita-se ter sido causada por um aneurisma.

http://5jc.0a9.myftpupload.com/pai-de-britney-spears-pede-para-deixar-de-ser-tutor-da-filha/

Benson apresentaria na audiência final, em mais ou menos duas semanas, um relatório que traria todas as informações sobre a saúde mental da interprete de “Toxic”, relatório esse que é essencial na batalha que ela trava contra seu pai.

http://5jc.0a9.myftpupload.com/segundo-jornal-pai-de-britney-spears-teria-sido-acusado-de-agredir-filho-da-cantora-entenda/

Além da Princesa do Pop, o psiquiatra cuidava também de alguns jogadores de times da NBA e da NFL.