Lizzo se defende dos compositores que a acusaram de negligenciar os créditos de "Truth Hurts"

No último dia 15 de outubro, Jeremiah Raisen publicou uma nota no Instagram, alegando que Lizzo não havia creditado a faixa “Truth Hurts” da forma correta, uma vez que ele e seu colega Justin têm autoria na produção da música. Jeremiah explica que em 2017, junto de Justin, trabalhou com a rapper na produção da faixa “Healthy”, que continha uma melodia bem semelhante a “Truth Hurts” e alguns versos da canção. Ainda segundo o compositor, algumas das principais partes da faixa, já estava inicialmente presentes em “Healthy”.

Lizzo, então, usou suas redes sociais para se defender das acusações na tarde desta quarta-feira (23). Confira a declaração da rapper:

“Olá a todos. Eu já havia compartilhado antes que, em 2017, enquanto eu trabalhava em uma demo, vi um meme que combinava muito comigo e me fazia sentir 100% daquela maneira. Eu cantei essa frase na demo e mais tarde a usei em “Truth Hurts”. Os homens que agora reivindicam os créditos de “Truth Hurts” não me ajudaram a escrever nenhuma parte da música. Eles não tinham nada a ver com ela e nem como eu escolhi cantá-la. Não havia ninguém na sala quando escrevi “Truth Hurts”, exceto eu, Ricky Reed e minhas lágrimas. E então tempos depois, descobri que um tweet inspirava o meme que usei. O criador do tweet é a pessoa com quem estou compartilhando meu sucesso, não esses homens. Obrigada a todos que me apoiaram e à minha música. Beijos.”

O meme em questão é a frase “I just took a DNA test, turns out I’m 100% that bitch”, usada na música.