Kelly Clarkson afirma que Dr. Luke "não é uma boa pessoa" e que foi obrigada a trabalhar com ele

Diante da relação turbulenta de Kesha com Dr. Luke e o processo que a cantora abriu contra o produtor mediante a alegação de abuso sexual, muitos artistas resolveram apoiar Kesha nas últimas semanas, seja nas redes sociais ou de forma direta. Kelly Clarkson foi uma delas.

Depois de manifestar no dia 19 de fevereiro – quando Kesha perdeu o processo de liminar – a cantora foi novamente questionada sobre Dr. Luke em entrevista para uma rádio australiana. Juntos, Kelly e Luke trabalham em “Since U Been Gone”, ”Behind These Hazel Eyes’‘ e “My Life Would Suck Without You” dos discos “Breakaway” e “All I Ever Wanted”. Falando sobre a experiência, Kelly deixou claro que ele “não é uma boa pessoa”. Sobre as produção, afirmou que foi obrigada pela gravadora, pois tinham muitas diferenças criativas.

“Tivemos experiências divergentes. Os fãs dele sempre questionavam do porque de não estarmos juntos mais, porém, eu não estava lá.”

E completou:

“Eu só trabalhei com ele porque fui chantageada pela minha gravadora. Eles me disseram que se isso não acontecesse não lançariam meus álbuns. Quando artistas não gostam de você, isso quer dizer algo não é mesmo? Ele não é uma boa pessoa”, termina.

>>> Curta o PFBR no Facebook

>>> Agora no @oficialpfbr

Carregar mais tweets