Iggy Azalea confirma que novo disco terá participações, mas poucas: "sou capaz de fazer sucesso sem outros artistas"

O novo disco de Iggy Azalea está chegando ao público em meados deste mês. “Digital Distortion” é um dos registros mais aguardados do ano no mundo do Hip-Hop, já que em 2014 Iggy foi uma das cantoras mais famosas e também com grandes sucessos, “Fancy” e “Black Widow”. Ambas contavam com colaborações de Charli XCX e Rita Ora, o que para muitos, teria sido o motivo das faixas terem ido bem nas paradas.

Porém, em entrevista ao “USA News”, a rapper australiana afirmou que seu novo e segundo álbum terá menos colaborações, porque quer mostrar para as pessoas que pode muito bem fazer sucesso sozinha e provar que é uma boa artista do segmento, sem precisar de ajuda.

“Eu espero que as pessoas vejam meu crescimento neste álbum”, disse ela. “Eu sou capaz de fazer sucesso e segurar minha carreira através de minhas canções sem a necessidade de outras pessoas cantando comigo”, afirmou. “Mas eu ainda vou fazer algumas colaborações neste álbum, porque amo fazer isso”, completa.

A primeira prévia do CD foi “Azillion”, que chegou na internet no começo de janeiro e apresenta Iggy apenas com seus vocais, sem participações. A música não ganhou clipe porque segundo a própria Azalea, a gravadora vetou a “verba” por conta de sua baixa repercussão.

O primeiro single oficial do disco é “TEAM”, que deve ser lançada ainda este mês.

>>> Curta o PFBR no Facebook

Siga o PFBR no Twitter <<<