Histórico: 2019 pode empatar com 2012 como o ano com mais mulheres no topo da Hot 100 da década

Elas dominam mesmo! O ano 2019 está para entrar para história como uma era forte para divas nas paradas de sucesso musicais.

Se “Truth Hurts” da Lizzo confirmar os prognósticos e realmente chegar ao #1 da Billboard Hot 100 na próxima semana, 2019 empatará como 2012 como o ano com mais artistas mulheres no topo da chart nesta década.

http://5jc.0a9.myftpupload.com/taylor-swift-devera-emplacar-quase-todas-as-musicas-do-lover-na-hot-100-confira-previsoes/

A lista mais recente já conta com seis canções de vocal feminino dominando a parada. E ainda nem começou setembro. Em 2012, foram sete.

As #1 cantadas por mulheres de 2019 incluem “Señorita”, parceria da Camila Cabello com Shawn Mendes, atual líder da Hot 100. Outros sucessos a ocuparem a posição este ano foram “Bad Guy” da Billie Eilish, “Shallow”, dueto da Lady Gaga com Bradley Cooper, parte da trilha sonora do filme “Nasce uma Estrela” e “Without me” da Halsey. Ariana Grande emplacou dois hits no topo da Hot 100 em 2019: “Thank U, Next” e “7 Rings”.

http://5jc.0a9.myftpupload.com/amo-previsoes-colocam-truth-hurts-de-lizzo-assumindo-o-topo-da-hot-100-na-proxima-semana/

Quanto a 2012, só quem viveu sabe! Aquele foi marcado sucessos que chegaram a #1 do Hot 100 como “We found love” e “Diamonds” da Rihanna, “Set fire to the rain” da Adele, “Stronger” da Kelly Clarkson, “Part of me” da Katy Perry, “Call Me Maybe” da Carly Rae Jepsen e “We Are Never Ever Getting Back Together” da Taylor Swift.