Funk viral "Só Surubinha de Leve" é removido das plataformas de streaming por fazer apologia ao estupro

Não fizeram mais que a obrigação.

Após ser alvos de denúncias e várias críticas, uma das apostas para o carnaval 2018, “Só Surubinha de Leve” de MC Diguinho“, foi removido de várias plataformas de streaming. A música faz uma clara apologia ao estupro de mulheres e viralizou nos últimos dias.

Confira abaixo a declaração do Spotify:

“Contatamos a distribuidora da música ‘Só Surubinha de Leve’ a respeito do ocorrido e, fomos informados que a faixa será retirada da plataforma nas próximas horas, uma vez que o tema foi trazido à nossa atenção. A música está atualmente no Top Viral pois teve um pico de consumo nos últimos dias”, explicou o Spotify por meio de comunicado. O catálogo do Spotify é abastecido por centenas de milhares de gravadoras, artistas e distribuidoras em todo o mundo. Eles são devidamente avisados sobre nossas diretrizes e são responsáveis pelo conteúdo que entregam”.

Segundo internautas que realizaram a denuncia junto ao Spotify, a música incita de forma explicita o estupro contra mulheres que estão sob efeito de álcool. Confira um trecho da faixa:

Mas tarde tem fervo 
Hoje vai rolar suruba 
Só uma surubinha de leve 
Surubinha de leve 
Com essas filha da puta 

Taca a bebida 
Depois taca a pica 
E abandona na rua 
Taca a bebida 
Depois taca a pica 
E abandona na rua 

O MC não se pronunciou sobre a decisão do Spotify e se vai recorrer da decisão da empresa de stream, mas coincidentemente, o clipe para a canção será lançado ainda nesta noite. Ainda sobre a faixa, é provável que Diguinho e seus representantes produzam uma faixa “light“, para que possa ser recolocada nas plataformas.