Finalmente! Katy Perry vence processo de acusação de plágio em “Dark Horse”

Após seis anos de batalha judicial, Katy Perry reverteu o processo que a acusava de plagiar a música “Joyful Noise”, do rapper cristão Flame, em “Dark Horse”. Em seu depoimento, o rapper afirmou que a cantora plagiou um padrão de oito notas, conhecido como ostinato presente em sua canção.

O julgamento ocorreu nessa terça-feira (17) e, como veredito, a juíza federal Christina A. Snyder concluiu, em defesa de Katy, que os elementos da música do rapper não eram únicos nem originais o suficiente para seguir com a acusação. A decisão anterior era de que Katy Perry e sua equipe teriam que pagar uma multa no valor de 2,8 milhões de dólares á Flame e seus co-autores.

“Composições anteriores, incluindo trabalhos prévios feito por ambas as partes, assim como o que todos concordam que é um ostinato separado que não infringe lei em ‘Dark Horse’, todos contêm elementos similares” concluiu a juíza.