Filme de Suzane Von Richthofen ganha primeiras imagens e será mostrado a partir de duas visões do assassinato brutal; saiba mais

Depois da revelação que a atriz Carla Diaz iria interpretar Suzane Von Richthofen em filme sobre o assassinato brutal de seus próprios pais, foram divulgadas recentemente as primeiras imagens oficiais da trama, onde mostra a caracterização dos personagens que retratam um momento policial marcante do Brasil.

Além disso, foi revelado que o filme dirigido por Maurício Eça será dividido em duas partes, mostrando a visão de Suzane e de Daniel Cravinhos, um de seus cúmplices no crime. Os dois filmes intitulados “A menina que matou os pais” e “O menino que matou meus pais” serão lançados simultaneamente em 2020.

Vale a pena ressaltar que nenhum das pessoas envolvidas no ato receberão em cima da produção. Atualmente, Suzane cumpre sua pena de 39 anos de prisão por ter sido considerada a mentora da ação e Daniel Cravinhos cumpre sua pena no regime aberto.

O CRIME – Manfred e Marísia foram mortos a pauladas enquanto dormiam. O crime foi cometido pelos irmãos Daniel e Cristian Cravinhos, à época namorado e cunhado de Suzane. Ela foi condenada a 39 anos de prisão por ter sido considerada mentora da ação.