Equipe de Taylor Swift detona Big Machine e afirma que gravadora tem dívida milionária com a cantora

Pague o que me deve! A publicação oficial da Big Machine Records irritou bastante a equipe de Taylor Swift. Divulgada na manhã de hoje (15/11), a nota fala que a gravadora jamais bloqueou os direitos da norte-americana de cantar suas próprias músicas, seja no American Music Awards ou em seu documentário para a Netflix.

https://twitter.com/updateswiftbr/status/1195356399796211714

A assessoria da intérprete conta que no dia 28 de outubro, recebeu um comunicado da empresa alegando que não permitiria qualquer uso de conteúdo da artista no evento que Swift participou na China, nem sequer da superprodução que a Netflix estava planejando junto do staff da poderosa.

Além disso, a equipe da popstar ainda afirma que, na verdade, após conclusões oficiais de um auditor independente, constatou-se que a gravadora deve para Taylor cerca de U$7,9 milhões de dólares pelos direitos de suas obras como artista.

>>> Curta o PFBR no Facebook

Siga o PFBR no Twitter <<<