Empresário de Tinashe revela que a cantora não está mais na gravadora RCA

Depois de bombar com “2 On” em 2014, assinar contratos e ver sua carreira ser boicotada com o lançamento tardio de “Joyride” – seu segundo disco – Tinashe não está mais em contrato com a RCA.

Quem garantiu isso foi Mike Nazzaro, que é empresário da cantora, para a Rolling Stone. Diferente do que muitos pensavam, ela não foi demitida pelo baixo desempenho dos seus trabalho, mas sim pois resolveu quebrar o contrato de maneira “amigável” e que a separação foi algo “positivo” para ela.

Nazzaro garante que com essa iniciativa, Tinashe “deu a vonta por cima” no controle criativo de sua carreira. Ele ainda deu detalhes sobre a saída da RCA afirmando que “demorou um pouco”, na faixa de “alguns meses”.

Por consequência, Tinashe não está mais listada no site da gravadora.

Agora,  cantora deverá trilhar caminhos de maneira independente até achar outra empresa que queira contratá-la e investir em seu talento. Apesar do empresário negar este motivo, vale lembrar que desde 2016 Tinashe veio tentando lançar o álbum “Joyride”, mas sem sucesso, graças ao engavetamento de sua carreira pela RCA que resolveu focar outros artistas que estavam em alta no momento.

Chris Brown – que colaborou com ela em “Player” – causou polêmica na época do lançamento da música ao tirar sarro da cantora, que tinha revelado o desejo apenas da gravadora de colocar Chris na música, e não pode interferir em nada na escolha.