Em show, Ozuna fala pela primeira vez sobre vazamento de vídeo íntimo: "Seu passado não define o seu futuro"

Na semana passada, um vídeo íntimo antigo e profissional de Ozuna começou a circular na internet e deixou muitos fãs sem entender como o vídeo vazou só agora e como ele foi parar de repente nas redes.

http://5jc.0a9.myftpupload.com/taki-taki-se-torna-o-clipe-a-atingir-mais-rapido-9-milhoes-de-likes-no-youtube-e-entra-no-top-20-da-categoria/

Durante uma performance em Las Vegas, no fim de semana, o cantor tirou um momento para falar com os presentes sobre o escândalo.

“Eu peço desculpas para todos pelos erros que fiz no passado. Eu peço desculpas às crianças e àqueles que se sentiram ofendidos. Como um homem, estou aqui encarando as consequências. Seu passado não define o seu futuro, você decide seu futuro começando hoje”.

O vídeo foi gravado quando Ozuna ainda era menor de idade e ele sofreu extorsão para que a produção não fosse vazada online, o que claramente não impediu autor do vazamento, mesmo com o porto-riquenho tendo pagado o valor requerido de 50 mil dólares.

http://5jc.0a9.myftpupload.com/rumba-taki-taki-chega-as-500-milhoes-de-reproducoes-no-spotify-clipe-ja-se-aproxima-da-casa-do-bilhao/

Antonio Sagardia, advogado do cantor, disse em entrevista que o culpado é Kevin Fret, que foi morto à tiros no início do ano em Porto Rico. O assassinato foi ligado ao nome de Ozuna. O advogado nega o envolvimento.

“Ozuna não teve nada a ver com a morte dele. O único jeito que Ozuna foi afetado é que Fret estava extorquindo e a polícia tinha a informação. Que Fret descanse em paz. É alegado que ele tinha um vídeo que podia manchar a imagem de Ozuna e ele queria dinheiro. Uma extorsão típica. Ozuna tinha tipo 16 anos no vídeo. Foi algo a ver com a vida íntima dele. Como Fret chegou e obteve o vídeo, nós não sabemos”.

 

>>> Curta o PFBR no Facebook

Siga o PFBR no Twitter <<<