Em entrevista, Cardi B revela que teve depressão pós-parto: "Não achava que iria acontecer"

Cardi B deu à luz a sua primeira filha, Kulture, em julho do ano passado, em plena divulgação do álbum “Invasion of Privacy”.

A rapper pensava que iria conseguir conciliar os cuidados com a bebê com sua carreira, mas ela viu que não era bem assim que a banda tocava dias depois que a neném nasceu.

http://5jc.0a9.myftpupload.com/focada-cardi-b-diz-que-nao-vai-parar-ate-ganhar-um-grammy-vou-continuar-ate-ter-um/

Em entrevista para a Harper’s Bazaar, Bardi revelou que teve depressão pós-parto e que não achou que iria acontecer com ela.

“Era muito difícil. Quando eu dei à luz, o médico me falou sobre e eu fiquei: ‘Bom, eu estou me saindo bem, não acho que isso vai acontecer’. Mas do nada, o mundo estava pesando em meus ombros”.

A artista seria ato de abertura da última leg da “24K Magic World Tour” de Bruno Mars mas, ao ver os desafios que era ser mãe, resolveu cancelar tudo e focar totalmente em Kulture e se recuperar.

Na época, Cardi B divulgou um comunicado nas redes sociais para explicar sua decisão. Relembre:

“Hoje, eu decidi que não vou me juntar ao Bruno nessa turnê. Eu achei que seis semanas de descanso seriam o bastante para me recuperar mentalmente e fisicamente após dar à luz. Eu também achei que conseguiria trazer meu bebê comigo, mas na verdade eu subestimei todo esse papo de maternidade. Eu não só não estou pronta fisicamente, como também não posso deixar o meu bebê para trás. Os doutores disseram que não é saudável para ela ficar viajando agora”.

http://5jc.0a9.myftpupload.com/segundo-a-harpers-bazaar-invasion-of-privacy-de-cardi-b-e-o-melhor-album-debut-de-uma-rapper-feminina-em-quase-25-anos/

Até hoje, Cardi B admite que sente diferenças em relação a antes da gestação e que não conseguiu se acostumar com seu “novo corpo”, sentindo que a recuperação ainda não se deu por inteiro.

“Por alguma razão, eu ainda não sinto que meu corpo é o mesmo. Eu sinto que ainda não o tenho por completo. Quando se trata de saltar, por exemplo, eu não sou tão boa mais. Eu sinto que estou segurando um peso em mim. Mas há uma energia que ainda não havia recebido antes de estar grávida. E isso é a coisa mais estranha”.