“É a marca da besta”, dispara Kanye West após ser perguntado sobre a vacina para a COVID-19

Kanye West segue causando polêmica com suas declarações controversas. Dessa vez, após anunciar sua candidatura à presidência dos EUA, o rapper concedeu uma entrevista a revista Forbes, onde revelou ser contra vacinas e que até já teve coronavírus em fevereiro.

Segundo West, no começo do ano contraiu a doença e sentiu calafrios, tremedeiras e ficou tomando banhos quentes. Ele também afirmou que uma possível cura contra o vírus é simplesmente oração. “Nós precisamos para de fazer coisas que deixam Deus bravo”, comentou o rapper.

Perguntado sobre as vacinas para a COVID-19, Kanye deu uma declaração polêmica, dizendo ser contra pois isso “é a marca da besta“. O rapper continua seu raciocínio afirmando que muitas crianças estão sendo paralisadas após tomarem vacinas.

“Eles querem colocar chips dentro de nós, querem fazer todo tipo de coisa para que não possamos atravessar o portão dos céus. Eu sinto muito quando digo que eles são os humanos que têm o diabo dentro deles. E a coisa mais triste, a coisa mais triste de todas é que nem todos chegaremos aos céus. haverá alguns de nós que não conseguirão”

Kanye West não quis parar por aí e também deu sua opinião sobre outro assunto delicado, o aborto. Segundo ele, por estar seguindo a Bíblia, é contra o aborto. “Eu sou pró vida“, disparou o marido de Kim Kardashian.

E aí, qual sua opinião sobre essa declarações polêmicas do rapper? Comenta com a gente nas nossas redes sociais.