Com o "Anti", Rihanna agora possui o álbum de uma cantora negra a permanecer mais tempo na Billboard 200

“Anti”, o álbum divisor de águas na carreira de Rihanna (e de opiniões do público) vem se consagrando como um dos melhores álbuns da década desde o seu lançamento. Lançado em 2016, teve seu pico em #1 na Billboard 200 e continua na parada até hoje, mesmo três anos após seu lançamento.

http://5jc.0a9.myftpupload.com/rihanna-atraves-da-fenty-beauty-vai-patrocinar-concurso-de-beleza-negra-lgbtq/

Na atualização dessa semana, “Anti” se encontra na posição #145 , conquistando um novo feito. O álbum superou o “BEYONCÉ”, álbum homônimo da cantora Beyoncé, como o álbum de uma artista feminina negra a permanecer por mais tempo no chart (186 semanas). E não para por aí: agora o álbum é o 5° maior álbum de uma artista feminina na parada.

Rihanna tem deixado seus fãs angustiados na espera de seu novo projeto, prometido par este ano, mas que não possui muitas informações divulgadas. Enquanto isso, a barbadense trabalha em outros ramos da indústria, como o de cosméticos, lingeries e vestuário.

http://5jc.0a9.myftpupload.com/ela-esta-voltando-rihanna-registra-nova-musica-no-bmi/