Bárbara Sut lança single e clipe “Vendaval”

Bárbara Sut lança single e clipe “Vendaval”

“Vendaval”, novo single da cantora, compositora e atriz Bárbara Suit, sopra forte no coração de quem ouve. A faixa produzida por Jonas Hocherman faz parte do álbum de estreia da artista e chega acompanhada por um clipe com referências na cultura francesa e afro-brasileira, dirigido pela própria Bárbara. 

Bárbara Sut lança single e clipe “Vendaval”

“ Essa música faz o caos, que às vezes me toma: ter beleza e potência. Ela me bota em movimento em diferentes situações. E sinto que o clipe também tem essa característica. Gravamos em abril e nesses meses ele já se transformou, já enxergo outras referências, mas sempre com essa intensidade incontrolável e caótica, essa força nuclear”, revela a artista.

Ela conta que para o clipe teve a intenção . de descobrir como essa música se dá em imagens para ela hoje. “ Eu compus a música na fronteira. Tinha acabado de voltar da França e estava com o Brasil muito intenso dentro de mim. Estava saudosa da nossa cultura, ao mesmo tempo que ainda sonhava em francês, ainda estava mergulhada nessa experiência fora. O tempo todo sinto que essa confluência de culturas está no clipe”, afirma.

Há ali, a “Liberdade guiando o povo” de Delacroix e Iansã com toda sua força em uma mesma imagem. “Acho que o clipe é sobre essa multiplicidade, sobre trilhar caminhos sem esquecer de onde viemos, sobre voar dando ainda mais valor para as raízes”, opina.

Bárbara Sut adora ópera, jazz, tango, salsa, chanson, mas sempre ouviu samba, forró, bossa nova e MPB. Todas essas referências aparecem e se misturam na sua música,  sempre com tempero brasileiro. Suas inspirações estão em Mayra Andrade, Esperanza Spalding, Jacques Brel, Manu Chao. “ Mas, sempre acabo voltando para as vozes de Gal Costa, Elis Regina, Elza Soares, para as melodias do Milton Nascimento,  Marisa Monte, Chico Buarque e Alceu Valença. 

Ela já brilhou como Julieta no musical “Romeu e Julieta ao som de marisa monte” e como Ombela no infanto juvenil “Ombela, a origem das chuvas”. Na televisão, viveu Dionice em “Salve-se quem puder” e acabou de gravar a série “A sogra que te pariu”, lançamento da Netflix para o ano que vem.

>>> Curta o PFBR no Facebook

Siga o PFBR no Twitter <<<