Acusado de racismo, filme de Angelina Jolie enfrenta problemas para estrear no Japão

O último filme dirigido por Angelina Jolie, “Invencível“, enfrenta problemas para encontrar um distribuidor no Japão, onde suscitou campanhas que tacham o filme de “racista” e pedem a proibição de sua estreia.

O filme, narra a história de um americano capturado pelo exército japonês durante a Guerra do Pacífico, estreou mundialmente em dezembro do ano passado e já pôde ser visto em mais de 50 países. Além disso, o filme recebeu diversas críticas positivas ao redor do mundo, mas continua sem estrear no país por causa das campanhas contra o filme, de acordo com as informações do jornal “Asahi

A Toho-Towa, distribuidora no Japão da maior parte dos filmes da Universal Pictures, explicou que não tomou ainda a decisão de estrear o longa.

“É difícil tomar uma decisão. Além disso, no final são as salas de cinema que podem ter que encarar possíveis protestos”, afirmou um dos diretores da empresa.

Desde o final de 2014, o filme recebeu diversas campanhas pedindo que se proíba a estréia no Japão. Em dezembro, por exemplo, pessoas abriram uma campanha e recolherem cerca de 10 mil assinaturas pedindo a proibição do filme no país.

 

>>> Curta o PFBR no Facebook

>>> Agora no @oficialpfbr

Carregar mais tweets