ABSURDO! No mês do Orgulho, Luísa Marilac denuncia transfobia e ameaça de morte

Conhecido internacionalmente como mês do orgulho, se por um lado junho se tornou uma data simbólica de luta pelos direitos de pessoas LGBTQIAP+, se tornou também um grande pote de “ouro rosa” para empresas que fingem aliar-se à causa, apenas para ganhar engajamento nas redes sociais e aumentar cada vez mais seus capitais.

A escritora e influencer digital, Luísa Marilac, utilizou seu Instagram nesta madrugada para denunciar que vem sofrendo transfobia e ameaças de morte em seu perfil. Segundo a escritora, um internauta mandou mensagens dizendo que iria dar um tiro no rosto de Luísa e que a youtuber tinha “cara de homem” e era um “lixo”, ato cruel de transfobia.

Luísa revelou que há bastante tempo vem sofrendo com ataques como este, mas contou ser a primeira vez que teve que lhe dar com tanto ódio vindo de uma pessoa. A escritora contou através de seu perfil que vai buscar ajuda de sua assessoria jurídica para levar o caso à justiça.

Veja:


Vale lembrar que essa não é a primeira vez que Luísa precisa encarar um caso de transfobia. Em 2019 o funkeiro Nego do Borel fez comentários de teor transfóbico após Marilac comentar uma foto do rapaz. Na ocasião, Leno se referiu à escritora pelo pronome masculino mais de uma vez.

>>> Curta o PFBR no Facebook

>>> Agora no @oficialpfbr

Carregar mais tweets